quinta-feira, 12 de maio de 2016

12 de Maio, Dia Internacional dos Enfermeiros- um dia de todos nós

Este foi o meu primeiro livro que comprei sobre o "ser Enfermeira". Estavamos no ano 1996, tinha acabado de saber que tinha entrado para o curso que sempre sonhei: Enfermagem. Passei por uma livraria na minha terra natal onde na altura passava férias, Caminha, e ao passar pela livraria, lá estava ele na montra e não hesitei em entrar,folhear o livro e comprá-lo.Nos dias seguintes foi a minha leitura.Ainda hoje o guardo como uma relíquia. Tenho uma adoração por aquilo que faço no meu dia a dia, mesmo com todos os contratempos que naturalmente existem em todas as profissões, mas tudo isso faz parte do nosso percurso, e se há alguma coisa que os Enfermeiros estão habituados no nosso País, é viver com contratempos e alguma falta de valorização dos nossos governantes, mas não da população,essa sim a quem prestamos cuidados altamente reconhecidos,também ao governante fora do contexto da sua governação.
Numa viagem que fiz a Londres fiz questão de passar pela igreja e túmulo onde se encontra sepultada Florence Nightingale, a enfermeira conhecida como a " Dama da lâmpada ",que tratava durante a noite os feridos de guerra da Crimeia com auxílio de uma lampada, e lançou as bases da enfermagem profissional. Nasceu a 12 de Maio, data esta então escolhida como Dia Internacional do Enfermeiro.
Deixo aqui uma passagem do prefácio do livro " Ser Enfermeira", prefácio este escrito por Therese Guimond, na altura diretora geral e secretária da Ordem dos Enfermeiros do Quebec: "Efectivamente,se são (as enfermeiras/os) acarinhadas pelo publico e mais ouvidas pelo governo, resta-lhes ainda desenvolver esforços, a fim de demonstrar claramente a complexidade, a economia e a qualidade dos serviços e dos cuidados que prestam".
Parabéns Srs e Sras Enfermeiras de todo o Mundo.


domingo, 8 de maio de 2016

Reportagem Unidade Coordenadora Funcional da Diabetes ACES Algarve I Central






Na edição de Março de 2016 do Jornal "O Médico - cuidados de saúde primários" a reportagem sobre a Unidade Coordenadora Funcional da Diabetes, do Agrupamento de centros de saúde do Algarve Central (ACES Central), da qual faço parte, com muito orgulho, como representante da carreira de Enfermagem na área da Diabetes. Deixo fotos da reportagem na íntegra, pois não é publicado on-line, uma vez que este jornal é distribuído em formato escrito pelos centros de saúde de todo o país. Tentamos, toda a equipa, quer hospitalar, quer do ACES, desenvolver todo um trabalho em prol da melhoria dos cuidados às pessoas com Diabetes. Por vezes é complicada esta dedicação, pois todos os profissionais desta unidade prestam cuidados aos seus utentes noutras áreas diariamente, e temos sempre de conseguir um tempo (na maioria das vezes no tempo que nos resta do dia, após terminarmos a nossa jornada de trabalho, e muitos fins de semana a abrir mão do nosso descanso), mas a gratificação de percebermos as práticas dos profissionais ligados à Diabetes a mudarem para que se faça a diferença e a atualizarem-se é enorme, e que tudo isto se reflete em ganhos em saúde. Bem hajam a todos desta equipa, e a todos os profissionais de saúde que se empenham cada vez mais nesta área.v
Clique nas fotos para ler na íntegra.



sábado, 16 de abril de 2016

Patient Innovation-plataforma e rede social de partilha de soluções inovadoras criadas por doentes e cuidadores de qualquer doença

Conheço este projeto há já algum tempo e partilho com todos o quanto acho extraordinário este trabalho desenvolvido por pessoas portadoras de doença crónica ou seus cuidadores. A premissa principal é a da que existe em cada doente e cuidador um enorme potencial inovador. Quando lidamos diariamente com situações diversas e desafios dessa condição ou de outras pessoas de quem somos próximos,doentes e cuidadores desenvolvem frequentemente soluções inovadoras, sob a forma de novos tratamentos ou equipamentos/dispositivos médicos. O objetivo desta rede social é facilitar a partilha dessas ideias e soluções de forma a ajudar a ultrapassar situações mais difíceis do dia a dia com a doença.
Esta plataforma universal resulta de um projeto de investigação desenvolvido por uma parceria entre universidades internacionais, liderado pela Católica-Lisbon School and Business and Economics, pelo MIT (Massachusetts  Institute of Techonology) e pela Carnegie Mellon University. Entre outros parceiros em Portugal, está a Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal, a mais antiga associação do mundo dedicada à doença.
Partilho o link para que todos possam conhecer o projeto e participar nele ou dar a conhecer a outros.

Patient Innovation




sábado, 9 de abril de 2016

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails